Laboratório de Interculturalidade

LogoLabintercult

Laboratório: lugar de trabalho.

Aqui se laboram traduções que tornam possíveis o conhecimento e a relação entre os diferentes. Diferentes tradições, paisagens, línguas e linguagens: todas as passagens que se possam vislumbrar no exercício constante, nas dobras e redobras do movimento tradutório.

Aqui se propõe a entrega do corpo ao devir indígena, ou seja, colocar-se a caminho da dissolução na paisagem, em consonância com o pensamento mítico, através de escritas e  leituras.

A escola indígena é o mestre que seguiremos. Entraremos com ele no mato, no jardim que o pensamento permite, na sua biodiversidade, sem passado e sem futuro, só com o xinã kayawá, o caminho do pensamento.

Experimental e contemporâneo, transdisciplinar, o Laboratório de Interculturalidade da Universidade Federal do Acre foi criado, no Programa de Pós-graduação em Letras: Linguagem e Identidade, para apoiar as pesquisas dos mestres indígenas, trazê-las para o diálogo com o mundo acadêmico, editar suas textualidades.

Para acessar o site do Labinter, clique aqui.