Professor do Mestrado em Letras publica artigo em livro organizado por Ana Pizarro

Trabalho do professor Gerson Albuquerque trata do processo de imigração de haitianos para o Brasil

O coordenador do Mestrado em Letras Linguagem e Identidades da Universidade Federal do Acre (Ufac), o professor Gerson Albuquerque, é um dos quatro pesquisadores brasileiros com artigos publicados no livro “África/América: Literatura y Colonialidad”, organizado pelas professoras Ana Pizarro e Carolina Benavente, referências em pesquisa sobre a América Latina. A publicação é da Editora Fondo de Cultura Económica.

Exposto na primeira parte do livro (África em América), o artigo de Albuquerque “Afrocaribeños y otros sujeitos diaspóricos em trânsito por la Amazonía” trata do processo de imigração realizado por milhares de haitianos que deixam um país devastado por furacões, terremotos e, mais recentemente, intervenções político-militares em busca da melhoria da qualidade de vida no Brasil. O trabalho é fruto das atividades, iniciadas em 2010, pelo grupo de pesquisa História, Cultura, Linguagens, Identidades e Memória vinculado ao programa de mestrado e que continua, agora, com gravações em vídeo da memória oral de haitianos no Acre.

“Não estamos tratando de uma conquista pessoal. Ao contrário. Uma publicação como essa é comemorada como reconhecimento para o nosso programa de mestrado. Embora estejamos distante dos grandes centros de pesquisa que se concentram essencialmente no eixo sul-sudeste, temos conseguido nos consolidar e fortalecer a pesquisa local. É o fortalecimento à internacionalização do programa”, avalia Gerson. “O Simpósio Linguagens e Identidades da/na Amazônia Sul-Ocidental, realizado pelo programa de mestrado na Ufac, também é um elemento articulador para essa interação”, completa.

A aproximação entre Ufac e Universidade de Santiago de Chile, onde a professora Ana Pizarro coordena o Instituto de Estudos Avançados, não é recente. Desde 2011 uma parceria entre ambas as instituições vem sendo costurada. “A professora Ana Pizarro é um dos grandes nomes da pesquisa voltada à literatura e cultura na América Latina. Ela já esteve na Ufac como professora convidada do programa e desde então temos tecido uma rede de contatos para pesquisa”, diz o professor que, a convite de Pizarro, participou como conferencista do colóquio AfricAmérica, na Universidade de Santiago de Chile naquele ano.

O livro África/América: Literatura y Colonialidad apresenta uma seleção de textos, em maioria reelaborações de trabalhos apresentados no colóquio AfricAmérica, dividos em quatro partes. Ao todo, são 11 artigos e duas entrevistas distribuídos em 273 páginas.

Postado em: 19/10/2015 por ASCOM/UFAC

%d blogueiros gostam disto: