AMAZONIALISMO É TEMA DE CONFERÊNCIA DURANTE A PAN-AMAZÔNICA 

Publicado em 02-06-2016 às 14:59 h

Seminário-Pan-Amazônica-e-Áfricas-Gerson-Rodrigues-Foto-Sidney-Oliveira-1-1024x700Na manhã desta quinta-feira, dia 02, durante a programação da XX Feira Pan-Amazônica do Livro, foi realizado o seminário “Pan-Amazônia e Áfricas: terras (Des) Colonizadas”, com a conferência “Descolonização da Pan-Amazônia e de África: Projeto Inconcluso”, proferida pelo historiador e doutor em História Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Gerson Rodrigues de Albuquerque, falando sobre o Amazonialismo como parte do projeto colonial moderno, que difundiu a noção de vazio para inventar regiões essencializadas, a exemplo de África, Oriente, América, Brasil, e a própria Amazônia.

O historiador falou ainda sobre os conceitos de Amazônia, Amazônia Legal e Pan-Amazônia, que perpassam a literatura de viagem, naturalizando-se na lógica do estado republicano que sempre procurou integrar esta região do Brasil com intervenções que contam com o amparo de empresas nacionais e internacionais ávidas pela exploração e mercantilização da natureza. “Desenvolvimento sustentável, economia verde, redução de emissões decorrentes de desmatamento florestal, exploração de gás e petróleo, usinas hidrelétricas, a Pan-Amazônia como um todo é um prato cheio nos tempos atuais”, enfatiza.

Para Sulivan Souza, mestrando em Educação da UEPA, a importância da conferência está em refletir a cerca da identidade amazônica. “Se fala muito de Amazônia, amazônida, Pan-Amazônia, mas não temos a consciência do que de fato significa. Acredito que o evento vem para discutir a nossa história, a nossa identidade, o nosso espaço e tempo dentro disso”, afirma o estudante.

A programação do Seminário segue até amanhã, dia 03.

Confira:

Sexta-feira – 03/06 (10h30 às 12h30)

Mesa: Literatura e Colonialidade

Luis Heleno Montoril/ Marinilce Oliveira Coelho/ Rodrigo Wanzeler

(14h30 às 16h30)

Mesa: Literatura e inflexão irredutível da modernidade: Pan-Amazônica e áfrica

Mayara Ribeiro Guimarães/ Rafaelle Servius-Hamois/ Rosa E. Acevedo Marin

(16h30 às 18h30)

Mesa: Literatura do Exílio, do apatriada, do refugiado

Agenor Sarraf Pacheco/ Celso Antonio Coelho Vaz/ Ernani Pinheiro Chaves

 

Por Nátia Machado | Foto: Sidney Oliveira

Ascom Feira do Livro

 

%d blogueiros gostam disto: