Performance “Cor da pele” se apresenta durante o VIII Simpósio Linguagens e Identidades

Performance “Cor da pele” se apresenta durante o 8º Simpósio Linguagens e Identidades

Como parte da programação do 8º Simpósio Linguagens e Identidades da/na Amazônia Sul-Ocidental e do 7º Colóquio Internacional “As Amazônias, as Áfricas e as Áfricas na Pan-Amazônia”, a mostra “Cor da pele” será apresentada no dia 3 de novembro de 2014, às 17h, no Anfiteatro do Centro de Estudos Antropológicos e Indígenas da Universidade Federal do Acre (Ufac). A entrada é gratuita.

A performance “Cor da pele”, nasceu dentro do curso de Artes Cênicas: Teatro da Universidade Federal do Acre, na disciplina de Arte e História da África Negra, ministrada pelo professor  Gerson Albuquerque.

Hoje, a proposta ganha outros contornos, a partir de uma produção-processo que segue “se fazendo”, contando com a participação de Alessandra Alves, Amanda Graciele, Evânia Ferraz, Mara Santos e Marianne Salomão que, além de atuarem, dirigem coletivamente a performance.

Cor da pele” faz uma crítica a toda forma de preconceito, principalmente ao étnico-racial. Segue como uma proposta embrionária, em constantes mudanças, alinhavada pela leitura dramatizada de textos inspirados no martinicano Frantz Fanon.

Fonte: ASCOM/UFAC

Postado em: 30/10/2014

%d blogueiros gostam disto: