Dissertações

Banco de DissertaçõesTurma 2006

Adriana Delgado Santelli

Teatro das Cores: Verde Vagomundo e as Novas Propostas Estéticas do Romance Amazônico

Aelissandra Ferreira da Silva

Discurso da/na Prática Docente do 8° Ano do Ensino Médio

Carlos André Alexandre de Melo

Universo Carnavalizado em “A Vingança do Carapanã Atômico” Peça Teatral de Ediney Azancoth

Eduardo de Araújo Carneiro

O Discurso Fundador do Acre: Heroísmo e Patriotismo no Ultimo Oeste

Eliomar Rodrigues da Rocha

Microfísicas do Imperialismo. A Amazônia da Década de 80 em Quatro Relatos de Viagem

Franciele Maria Modesto Mendes

Identidades Híbridas: O Lugar das Personagens Ficcionais na Obra Coronel de Barranco

Francisca Eleni Silva de Melo

A despalatização dos fonemas /lh/ e /nh/  na fala  urbana de Rio Branco – AC

Glória Maria Gomes da Silva

A Mão e a Pena: representações sobre a condição feminina na cidade de Rio Branco

Iza Reis Gomes

Ana – Uma Índia  Nauá na Fronteira de sua Construção Identitária

Jairo Antônio Marques Nogueira

A Prática da Alfabetização e Letramento do Professor na Série Inicial do Ensino Fundamental

Kelen Gleysse Maia Andrade Dantas

Nas Fronteiras da “Terra Prometida”: Trajetórias de Trabalhadores Rurais do Alto Acre

Maria Alzenir Alves Rabelo Mendes

Marcas da memória cultural nas crônicas jornalísticas de Xapuri – 1907 a 1971

Maria Iracilda Gomes Cavalcante Bonifácio

O Discurso nas Redes do Poder: As vozes sociais nos editoriais dos jornais “O Rio Branco” e “Varadouro” (1977 – 1981)

Nayra Claudinne Guedes Menezes Colombo

Corpos negros x falas brancas: as representações do negro na literatura de expressão amazônica

Queila Barbosa Lopes

Anglicismos e Acreanidade

Reginâmio Bonifácio de Lima

Memórias de Velhos no Terceiro Eixo Ocupacional de Rio Branco

Sergio da Silva Santos

A Variação Lingüística nos Jornais Escritos de Rio Branco

Simone Rosely Torres Pessoa

O Signo Poético na Poesia de Henrique Silvestre: Significação, Sonoridade e Visualidade

Tatiane Castro dos Santos

Leitura na 4ª Série: Discursos, Práticas e Contribuições para o Letramento

Vera Lúcia de Magalhães Bambirra

As Fronteiras do Imaginário de Conquista: As Vozes de Ocupação na Literatura de Expressão Amazônica em Makaloba

Turma 2007

Turma 2008

 Ana Maria Cassarotti Franco

O currículo de um curso de formação pré-serviço de professores de Espanhol no Acre

Armando Cézar da Silva Pompermaier

Os cárceres de ferro e as sociedades alternativas: contracultura e a revolução das mentalidades na Amazônia Acreana, no Brasil e no Mundo

Ceildes da Silva Pereira

A realização aberta ou fechada das vogais médias pretônicas /e, o/ no falar de uma zona urbana de Rio Branco (AC)

Célia Maria Pires de Almeida

Trajetórias de Professores do Vale do Juruá: Relatos, Histórias e Memórias

Daniel da Silva Klein

À Margem da Vida: Personagem, Lugarese Política na Obra Romanesca de Francisco Augusto Vieira Nunes (Bacurau)

Edilene da Silva Ferreira

Entre rios, cidades e florestas:identidades acreanas em A represa – romance da Amazônia e Certos caminhos domundo – romance do Acre

Flávia Rodrigues Lima da Rocha

Inaudíveis e invisíveis:representações de negros na historiografia acreana

Francemilda Lopes do Nascimento

Gosto, sabores e dissabores: Contatos culturais entre as fronteiras da Amazônia acreana

Francisco das Chagas Vieira de Oliveira

Interferências do português nas produções orais e escritas de estudantes brasileiros de Espanhol

Joelma da Silva Mourão

Antinomias do feminino: gênero e ficção em Ressuscitados e Ô de casa!

José Mauro Souza Uchoa

O Gênero Podcast Educacional: Descrição do Conteúdo Temático, Estilo e Construção Composicional

Márcio Bezerra da Costa

Arte e ofício: exercícios de leitura na pintura de Hélio Melo

Maria do Livramento Cerqueira Farias

Um lugar ao sol: memórias de uma radialista acriana

Maria Evanilde Barbosa Sobrinho

Creio no Acre e nos acreanos: o ideário da modernidade presente no governo Guiomard dos Santos (1946-1950)

Marileize França Mattar

A construção do Processo de Leitura emLíngua Inglesa do Gênero Tiras em Quadrinhos no 7º Ano do Ensino Fundamental

Milvane Almeida de Oliveira

Colcha de retalhos: crônicas do diárioescondido

Pelegrino Santos Verçosa

O discurso anisiano na RevistaBrasileira de Estudos Pedagógicos – RBEP no período de 1952-1964

Rogério de Mendonça Correia

Competência em leitura no interior da escola: um estudo de caso em três escolas de Rio Branco

Sheila da Costa Mota Bispo

Discurso Autorizado x Discurso do Professor: Uma Reflexão Sobre Leitura

Vilma do Nascimento Rodrigues

A linguagem atrás das grades: o vocabulário dos reeducandos do complexo penitenciário Dr. Francisco de Oliveira Conde

Turma 2009

 Ana Carla Clementino de Lima

Palácio Rio Branco: linguagens de uma arquitetura de poder no Acre

Angela de Oliveira Rodrigues

O discurso jurídico sobre cultura na Constituição Federal do Brasil de 1988

Anna Lúcia Leandro de Abreu

Viajando entre vozes e memórias dos Povos da Floresta

Gracione Teixeira de Souza

Atlas Linguístico do Acre: cartas fonéticas da região do Purus

Guadalupe Justa Delgadillo Torrez

As artes plásticas na tri-fronteira Bolpebra: lo percurso artístico de Jorge Rivasplata

Keiliane Custódio de Souza

Marupiara Jabuti-Bumbá: a invenção da tradição

Liviane Rodrigues Maia

Dentro de uma bolsa, atrás de máscaras: a construção de identidades infantis – uma leitura de duas obras de Lygia Bojunga

Maria Aparecida Soares de Souza

Pelos fios da memória: uma leitura de Corda bamba, de Lygia Bojunga

Marta Cleonice Costa Rêgo

Discurso de professores sobre a inclusão de alunos com deficiências em uma escola regular de Rio Branco – Acre

Myully dos Santos Sousa

Sob mestiços olhares: leitura do indígena acreano em Darci Seles, Raimundo Moraes e Lullu Manchineri

Pâmela Clívela Anastácio

Vidas errantes: leitura do trânsito das personagens de A Selva, Terra Caída e Seringal

Patrícia Carvalho Redígulo

Diálogos, vozes e deslocamentos sociais: trajetórias de residentes do Lar Vicentino, em Rio Branco – Acre

Raquel Alves Ishii

Viagens do “homem que virou rio”: narrativas, traduções e percursos de William Chandless, pelas Amazônias, no século XIX

Rauana Batalha Albuquerque

Veredas poéticas de Juvenal Antunes

Rivanda dos Santos Nogueira

Entre falas e escritas: redação no vestibular

Roseli Adriani da Silva

As tirinhas em quadrinhos no livro didático de Língua Portuguesa: usos e abusos

Tavifa Smoly

Alfabetização e letramento: percepção e instrumentos em escolas acreanas

Valéria Barbosa Ferreira Silveira

Trilhas de leitura na floresta acreana

Wheliton Souza da Silva

As histórias comandam a vida: paráfrase, paródia e carnavalização em A ilha da consciência, de Sílvio Martinello

Turma 2010

Adel Malek Hanna

Judas-Asvero: historicidade e crença judaico-cristã no interior da Amazônia

Amanda Silva Alves

Africanismos em quatro Atlas Linguísticos regionais brasileiros e sua dicionarização

Belchior Carrilho dos Santos

A Amazônia de Edgardo Ubaldo Genta: recortes de vozes

Denílson Claro de Souza

Discursos produzidos pelo Sindicato de Trabalhadores Rurais de Xapuri em sua fundação até 2007: espaços da floresta e espaços da memória

Edmara Alves de Andrade

As dobras do silêncio: uma leitura de um romance de Miguel Jeronymo Ferrante

Francisca Karoline Rodrigues Braga

A configuração da identidade cidadã e a Educação de Jovens e Adultos

Ionara Fonseca da Silva Andrade

Representações do docente no concurso professor nota 10 da Fundação Victor Civita

Jannice Moraes de Oliveira Cavalcante

A realidade do ensino de língua inglesa: dificuldades e problemas enfrentados em uma escola rural

Ladislane Nunes Aguiar Dantas

Nomes de doenças, pragas e plantas daninhas na cultura agrícola do Estado do Acre: proposta de um glossário ilustrado

Maria da Luz França Maia

Representação da adolescência no jornal A Gazeta (1989 – 2010)

Maristela Alves de Souza Diniz

Contato transfronteiriço: interferências da L2 na escrita em L1 de alunos de escolas de Brasileia (Brasil) e Cobija (Bolívia)

Mirna Suelby Martins

A Amazônia entre vozes: narrativa e história

Nina Rosa Silva de Araújo

A posição de sujeito em sentenças da Língua de Sinais Brasileira

Odineide Farias de Oliveira

Atitudes linguísticas e variáveis sociais na fronteira Brasil Bolívia

Priscila de Araújo Pinheiro

Leitura e ensino: discursos de alunos de Letras

Simone Cordeiro de Oliveira

A expressão do aspecto em perífrases verbais compostas por “ter”, “haver”, “estar”, “ir” e “vir” na obra “Trabalhadores do Muru, o Rio das Cigarras”

Valério Oliveira da Silva

Cartas Fonéticas da Regional do Juruá

Turma 2011

Débora Souza do Nascimento

Valdiza Alencar de Souza: a mulher do sindicato

Douglas Marques Luiz

Chega de saudade: permanência e a atualidade da Bossa Nova

Emilania Souza Cabral

Fronteira MAP: a construção de uma comunidade imaginada

Emilson Ferreira de Souza

Novos cenários, outras identidades – seringueiros nas fronteiras (Brasil – Acre, Bolívia – Pando)

Essio dos Santos Maciel

O discurso do livro didático no Ensino de História

Ezilda Maciel da Silva

Entre cinzas e vozes: figurações das Amazônias em Milton Hatoum e Vargas Llosa

Francisco Aquinei Timóteo Queiros

Novo jornalismo: um rasgo literário na sisudez do jornalismo tradicional, sob o viés das obras A Sangue Frio e Radical Chique

Jacqueline Goes da Silva

Estudo da nasalidade fonética em 4 Atlas Línguísticos Brasileiros: ALIAC, ALAM, ALISPA E AFeBG

Jefferson Henrique Cidreira

Rádio Difusora Acreana, Jornal Varadouro e outras mídias: discurso oficial e discurso de resistência na Amazônia Acreana (1971-1981)

Joseane de Lima Martins

O Código Braille no ensino/aprendizagem da Química: o caso de uma aluna cega

Luciane Ferreira de Morais

“Entre florestas e cidades”: experiências de homens e mulheres indígenas na cidade de Rio Branco – Acre

Luciene de Bittencourt Martins

Louvores a Iemanjá: um estudo do Ciclo Beiramar, opus 21b, de Marlos Nobre

Maria Cristina Lobregat

“Pedra que canta”, lembranças que latejam: vozes de deslocados de Itaipu para a Amazônia Acreana

Maria Nalrizete da Silva Costa

Um povo que murmura no Purus: uma leitura de narrativas Madija

Maria Regiana Araújo da Costa

Projeto Poronga: entre marcas de fracassos e letramentos

Marinete Rodrigues da Silva

Os pronomes Nós e A gente no português falado em Rio Branco Acre

Rúbia de Abreu Cavalcante

Entre o que se diz e o que se faz: o ensino de Língua Portuguesa a partir dos gêneros do discurso

Sandra Sales de Oliveira

Guardas Territoriais do Acre: memórias, sujeitos e esquecimentos

Turma 2012

Alcicléia Souza Valente

O ensino de língua escrita no currículo do curso de Pedagogia da UFAC: repercussões na prática docente

Ana Paula Melo Saraiva Vieira

Materiais curriculares de Língua Inglesa do Centro de Idiomas do Ifac: uma análise das habilidades para comunicação

Armstrong da Silva Santos

Haitianos na Amazônia Sul-Ocidental: identidades e narrativas em trânsito

Delbiany Lima de Oliveira

A toponímia das regionais, bairros e ruas de Rio Branco

Egina Carli de Araújo Rodrigues Carneiro

A identidade profissional do coordenador pedagógico da rede pública estadual de Rio Branco: entre as normatizações legais e a prática cotidiana

Ítala Oliveira da Silva

Representações políticas e sociais nas cartas de José Guiomard dos Santos

Janiere Santos Gouveia

Ensino de História e suas linguagens: uma análise a partir dos currículos prescritos e moldados

Maria da Conceição Encarnação Silva

Recreio na escola de Ensino Fundamental I: espaços e tempos na construção do sujeito

Nágila Maria Silva Oliveira

Texto para ser falado: um estudo sobre o gênero discursivo mensagem radiofônica utilizado por ribeirinhos de Cruzeiro do Sul-AC

Rebeka da Silva Aguiar

Glossário socioterminológico dos termos do queijo no município de Apuí – Amazonas

Vanessa Nogueira de Oliveira

Filtros e margens do corpo: trajetórias de alunos do curso de Artes Cênicas – Teatro na amazônia acreana

Weima Paula Nogueira Lima da Cruz

“Para aprender a ler e escrever”: um estudo sobre o letramento

Turma 2013

Antonia Maria Silva de Oliveira

As representações sociais de alunos com deficiência física sobre a sua inclusão, em uma escola pública de Rio Branco/AC

Elaine Costa Honorato

Ensino Religioso: concepções e práticas pedagógicas no contexto da escola pública de Rio Branco

Gizeli Fernandes Sessa Mendonça

O processo da construção da linguagem escrita dos alunos do 6º ano do Ensino Fundamental: uma análise a partir das práticas pedagógicas do professor de Língua Portuguesa

Josafá Batista do Nascimento

Agonística do sentido: a construção das verdades na imprensa de Rio Branco de 1999 a 2006

José Cabral Mendes

De pícaros e picardias: a máscara de “Lazarillo” na Amazônia de Galvez

Luciano Mendes Saraiva

O lugar da fonética em dois manuais de ensino de espanhol – língua estrangeira: Enlaces – español para brasileños e Síntesis – curso de lengua española.

Márcia Barroso Loureto

Práticas de letramento na creche: um estudo de caso

Maria Ivanilda Souza da Silva

Linguagem e identidade em Platão

Maria Jonilda Alves de Souza

Entre a memória social e a identidade: trajetórias da união do Vegetal (UDV) na Amazônia Acreana

Marinete Adriano de Melo

Percursos amazônicos: um estudo de A Voragem, de José Eustasio Rivera

 

Turma 2014

Altaíza Liane Marinho

Narrativas de papoucos, siribolos e pontapés: representações sobre prostituição em periódicos de Rio Branco

Ana Cláudia de Souza Garcia

Gêneros textuais e cotidiano: desvelando a Cruzeiro do Sul-Acre das páginas de “O Juruá” (de 1953 a 1962)

Ana Paula Teixeira Gouveia

A motivação toponímica a partir da memória de comunidades tradicionais do sul do Amazonas

Cleilton França dos Santos

O silenciamento da cultura boliviana: uma experiência na formação de professores de espanhol no Acre

Evandro Luzia Teixeira

Vendedores ambulantes – “camelôs”: sujeitos, discursos e identidades no “centro” de Rio Branco

Fernanda Cougo Mendonça

Memórias e artes verbais de Luiz Mendes do Nascimento: o Orador do Mestre Irineu

Guilherme da Silva Cunha

O currículo de Filosofia no Acre sob uma perspectiva Nietzschiana

Jairo de Araújo Souza

Os Memoriais da Cabanagem e dos Autonomistas: as instrumentalizações das memórias históricas nas amazônias

Jamila Nascimento Pontes

Lambada – um artista da cena: Labirintos dos processos criativos

Julia Lobato Pinto de Moura

Palavras mágicas e mitos modernos: o desenvolvimento no Acre da “Frente Popular”

Luciana Maira Sales de Pereira

Dos trilhos da literatura à estação de TV: uma análise da tradução intersemiótica do romance Mad Maria, de Márcio Souza

Marcelo Zaboetzki

Narrativas da Madeira – Mamoré: estudo das representações amazônicas em História trágica de uma expedição, de Neville B. Graig

Márcio Adriano Chocorosqui

Ecos discursivos e ideológicos nos recontos de Vovó Amazônia e nas aventuras de Tizinho

Maria Alexandrina Félix de Andrade

Cotidiano e distanciamento: uma leitura de Órfãos do Eldorado de Milton Hatoum

Maria Janete Cesário Braga

As representações sociais dos servidores da Biblioteca Central da Universidade Federal do Acre sobre a informatização e automação dos serviços

Mayra Raelly da Costa Silva

Toponímia e religião: a contribuição nordestina na nomeação de lugares acrianos

Pabla Alexandre Pinheiro da Silva

Nos banzeiros do Rio Croa: linguagem, identidade e cultura ribeirinha no Vale do Juruá

Romário Ney Rodrigues de Souza

Silvia Rejane Teixeira de Abreu

A expressividade sonora em letras de canções de Luiz Tatit: análise fonoestilística

Sônia Elina Sampaio Enes

Práticas de letramento para alunos com deficiência em uma escola comum inclusiva em Cruzeiro do Sul/Acre

Suerda Mara Monteiro Vital Lima

Entre o banquete e o corpo: a carnavalização em “Como água para chocolate”

Turma 2015

Amarilio Saraiva de Oliveira

O Programa Asas da Florestania/Fundamental como varadouro de mão dupla: encurtando caminhos entre governo, escola e povos da floresta

Ângela Maria dos Santos Rufino

O uso das TICs na leitura e escrita com alunos/as e professoras de língua portuguesa, em escolas do Ensino Fundamental I, em Cruzeiro do Sul-Acre

Caue de Camargo dos Santos

Costurando tecidos de memórias do eu-professor-artista

Damiana Nascimento de Araújo

Ambientalismo e acreanidade: espaços de memória e cultural no governo da Frente Popular (1999-2017)

Daniele de França Nolasco

Vogais anteriores do francês: análise de seu tratamento fonético nos métodos ÉCHO e ALTER EGO PLUS e proposta de intervenção

Francisco Rodrigues Pedrosa

Discursos, normatizações e poder: uma abordagem do regulamento do Seringal Santa Rosa no Departamento do Alto Juruá no ano de 1906

Gilberto Mendes da Silveira Lobo

Da redação: a construção discursiva do Jornal Commercio do Amazonas sobre a questão do Acre

Jânio da Cunha Bastos

Jirlany Marreiro da Costa Bezerra

Entre as grades e as ruas: estudo do percurso da mulher no sistema prisional de Sena Madureira – AC

Juliana Feitosa Albuquerque

Liberacy Sousa Oliveira

Linneker Belinni Jovino Maia

Luciana Pereira Ogando

Os sentidos construídos sobre o estágio supervisionado de Letras/Inglês: os saberes da teoria e da prática

Luciano Santos de Farias

Maria Jeane Oliveira de Almeida

Narrativas do Rio Moa: um estudo sobre mitos e lendas na comunidade São Salvador

Maria Jucilandia Vanderlei Cavalcante

Os neologismos populares em letras dos grupos de rap de Rio Branco: Kalibre 12, Zona IX e Yaconawas

Nayara Maria Pessoa Lessa

Toponímia em Rio Branco: a revolução acreana e o movimento dos trabalhadores rurais no Acre como símbolos identitários da patrimonialização na cidade

Raildo Brito Barbosa

O Festival Acreano de Música Popular – FAMP: entre práticas e representações

Rogéria Gadelha dos Santos da Silva

Rozangela de Melo Martins

O perfil da toponímia indígena na zona rural do Estado do Acre

Sandra Mara Souza de Oliveira Silva

A toponímia da zona rural do Alto Acre: abordagem linguística dos sintagmas toponímicos

Simone da Silva Pinheiro

Asas da florestania: o “distante” e o “difícil” no discurso de educação para os povos da cidade/floresta

Suelen Germano Costa

Suziane Alves de Farias

Identidades construídas: discursos e representações na invenção da identidade acreana – um estudo expositivo do Museu da Borracha

Tamara Afonso dos Santos

Narrativas, pós-colonialismo e tradução: vozes e olhares em Galvez Imperador do Acre e sua versão para a língua inglesa

Tayson Ribeiro Teles

A fala de Ulysses Guimarães no ato promulgador da Constituição de 1988: uma análise bakhtiniana

%d blogueiros gostam disto: